São Paulo, 20 de agosto de 2017 - 06:54.

Livro Acessível Universal - Página inicial [1].

Livro de visitas.

Todos os campos são obrigatórios.







Veja quem já assinou:

MARIA LÚCIA LOBATO DE MOURA em: 03 / 06 / 2011 - 20h22.

Gostaria se ver livros que fala sobre inclusão de pessoas com necessidades especiais no mercado de trabalho.

Marcia P. Lebkuchen em: 26 / 05 / 2011 - 08h17.

Adorei a atitude e o site voltarei a explorar mais vezes. Gostaria de receber informações sobre atividades ligadas a educação.

gabriela rebeschini ribeiro em: 18 / 05 / 2011 - 14h51.

Gostaria de ver livros sobre deficientes físicos, principalmente sobre a sua inclusão no mercado de trabalho. Aguardo

oséias batista da silva albuquerque em: 18 / 05 / 2011 - 09h30.

gostaria de livros de administração

Priscila Fernandes em: 10 / 05 / 2011 - 17h50.

GOSTARIA DE VER LIVROS SOBRE INCLUSÃO DO DEFICIENTE FÍICO NO MERCADO DE TRABALHO

anselmo da silva almeida em: 02 / 05 / 2011 - 19h19.

gostaria de ver livros que fala da inclusão do deficiente físico no mercado de trabalho.

carla silva em: 21 / 04 / 2011 - 14h35.

Olá,gostaria de alguns nomes de livros que fala do historico da inclusao do deficiente fisico no mercado de trabalho

Ricardo Tempel Mesquita em: 15 / 04 / 2011 - 12h49.

Olá Naziberto
Inicialmente quero avisá-lo que o título deste quadro está escrito mensagem com dois "esses". Tenho acompanhado sua discussão em carta aberta com a Mara e sei que ambos estão cercados de boas intenções, mas também acho que se dependermos apenas de leis e decretos não chegaremos a lugar nenhum. Basta ver o prazo de 48 meses que o decreto 5296 de 2004 estabeleceu para que todos espaços de uso coletivo estivessem totalmente acessíveis. O prazo terminou em 2008 e até agora o que vemos é o próprio distrito federal sem calçadas e o Congresso sem acesso em diversos pontos. O que dizer do resto do país. Estive cadeirante, muletante e bengalante por 6 anos decorrente de acidente motociclístico e tive que entrar com meu filho, acometido de uma infecção na coluna, no colo em diversos hospitais e clínicas pela existência de degraus. Graças a Deus ambos nos restabelecemos com poucas sequelas e desde então são 12 anso que venho lutando pela acessibilidade física, instrumental, metodológica e atitudinal em Curitiba. Temos tido sucesso em diversos setores, pois vou na imprensa, faço palestras, ministro cursos onde realizo vivências, enfim resolvi tomar ATITUDE.
Inspirado nesta discussão sobre leitura acessível, eu já gostava de ler, agora estou lendo em voz alta e gravando para disponibilizar para amigos cegos, como o José Leite e a Terezinha Lima, conselheiros federais representantes das pessoas com deficiência.
Acho que chegou a hora de despertarmos essa atitude, pois se todo brasileiro que gosta de ler, gravasse em voz alta, em pouquíssimo tempo teríamos toda produção literária disponível, tá certo que não com a qualidade de uma produção fonográfica , mas o que interessa é o conteúdo.
Um abraço acessível e fraternal.
Arq. Ricardo Tempel Mesquita

Aida Guerreiro de Oliveira em: 01 / 04 / 2011 - 19h14.

O livro em Braille é o único meio de leitura propriamente dita, para deficientes visuais totalmente cegos. Sou professora cega, pedagoga e valorizo a alfabetização em Braille, priorizando livros acessíveis para estímulo à leitura.

portal m7 em: 19 / 03 / 2011 - 23h45.

Adorei esse site
Elton Elias
M7 Rastreadores
http://www.portalm7.com.br

Página - 1 ...- 9 - 10 - 11 - 12 - 13 - 14 - 15 - 16 - 17 - 18 - 19 ...- 30

 

Voltar ao topo da página.

Copyright © 2008 Livro Acessível. Todos os direitos reservados.