Você está no topo da página.

São Paulo, sexta-feira, 20 de outubro de 2017 - 16:25.

Blog do Livro Acessível Universal - Página inicial [1].

Você está no conteúdo principal desta página.

Ilusões – Paródia sobre a farsa das 70 ações inclusivas em SP

Publicado em: 14 de agosto de 2015 às 7:39.


desenho de uma lupa, sobre várias letras, aumentando o tamanho das mesmas.
Paródia de “Emoções” de Roberto Carlos
Intérprete: Alvim Carlos
Contextualização: Em homenagem às 70 ações prometidas pela SMPED, Secretaria Municipal da pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida de São Paulo, no lançamento do plano São Paulo mais inclusiva, que “contempla” 70 ações de inclusão, acessibilidade, desenho universal e cidadania para as pcds paulistanas. Só uma perguntinha, sem ofensas… alguém já viu, tocou, desfrutou ou utilizou alguma dessas 70 ações? Alguma pessoa com deficiência diretamente ou algum parente, amigo ou conhecido pode testemunhar isso? Pois é, a gente também não. Mas não tem problema, faz o seguinte: Setenta achar, se não conseguir, setenta de novo. Quem sabe um dia alguém acha. Nossa sugestão… usem uma lupa! E antes que nos esqueçamos… bora cantar…
Para ouvir a paródia clique no play ok?

Letra adaptada:

Quando eu lhe prometi
Um mundo acessível e lindo
Você não pôde crer
Naquilo que estava ouvindo

São obras prometidas
Projetos que eu já esqueci
Sinais nas avenidas
Espaços pra você curtir

Ceguinhos enganei
Surdinhos enrolei, mentindo
E fotos eu tirei
Pra no Face eu postar, sorrindo.

Sei o que o poder
É capaz de me dar
Por isso apeguei
E não vou mais largar.
Se entreguei
Ou se esqueci
O importante
É que ilusões eu vendi.

São obras prometidas
Projetos que eu já esqueci
Sinais nas avenidas
Espaços pra você curtir

Mas continuo aqui
Usando um gabinete lindo
Contra-cheque a receber
E as pcd’s se explodindo

Da Paulista mal feita
Aos cegos nos carnavais
A indigestão que me faz
Imprestável demais
Se entreguei
Ou se esqueci
O importante
É que ilusões eu vendi

Se entreguei
Ou se esqueci
O importante
É que ilusões eu vendi

Ouça a música original em:

Letra original:

Emoções
Roberto Carlos

Quando eu estou aqui
Eu vivo esse momento lindo
Olhando pra você
E as mesmas emoções sentindo

São tantas já vividas
São momentos que eu não esqueci
Detalhes de uma vida
Histórias que eu contei aqui

Amigos eu ganhei
Saudades eu senti, partindo
E às vezes eu deixei
Você me ver chorar, sorrindo

Sei tudo que o amor
É capaz de me dar
Eu sei já sofri
Mas não deixo de amar

Se chorei
Ou se sorri
O importante
É que emoções eu vivi

São tantas já vividas
São momentos que eu não esqueci
Detalhes de uma vida
Histórias que eu contei aqui

Mas eu estou aqui
Vivendo esse momento lindo
De frente pra você
E as emoções se repetindo

Em paz com a vida
E o que ela me traz
Na fé que me faz
Otimista demais

Se chorei
Ou se sorri
O importante
É que emoções eu vivi

Se chorei
Ou se sorri
O importante
É que emoções eu vivi

FacebookCompartilhar no Facebook.

Twitter.Publicar no Twitter.

Postado por: Administrador.
Arquivado na categoria: Ações do MOLLA, Mídia comentada, Obscegatório Urbano.
Assuntos relacionados: , , , , , , , , .
Visitado 24268 vezes, 11 foram hoje.
0 comentário

RSS dos comentários deste post.

Deixe seu comentário:

Dados do comentarista




Os mais lidos:

  1. Ilusões - Paródia sobre a farsa das 70 ações inclusivas em SP (24268 vezes)
  2. Direitos humanos e pessoas com deficiência: Chorando nossos cadáveres! (22719 vezes)
  3. DENÚNCIA!! Nova Lei de Direitos Autorais ignora direitos das pessoas com deficiência (16409 vezes)
  4. Bradesco amplia acessibilidade e inclusão!! Morra de inveja Itaú!! (15547 vezes)
  5. Eleições 2012: TSE corrige falha nas urnas acessíveis (14660 vezes)
  6. Quem escolhe o livro que voce lê? Parte 1 - Denúncia (13352 vezes)
  7. Companhia Das Letras, Editora Contexto e Grupo GEN editorial contra um leitor cego (12362 vezes)
  8. MEC: Censo Escolar 2010 aponta dados estarrecedores para alunos com deficiência (12139 vezes)
  9. Blog do livro acessível! Lançamento hoje, dia 21 de setembro (11691 vezes)
  10. Secretária Linamara e deputada Mara, que vergonha, que papelão! (11360 vezes)

Voltar ao topo da página.

Copyright © 2008 Livro Acessível.
Todos os direitos reservados.