Você está no topo da página.

São Paulo, sexta-feira, 23 de junho de 2017 - 14:18.

Blog do Livro Acessível Universal - Página inicial [1].

Você está no conteúdo principal desta página.

Festa do cego leitor: Paródia sobre direito do cego comprar livro direto no mercado

Publicado em: 22 de fevereiro de 2017 às 6:05.


Ilustração: Desenho da turma da Mônica pulando Carnaval. Da esquerda para a direita, Cascão, Mônica, Cebolinha e Magali, vestindo fantasias coloridas e com muito confete e serpentina
Paródia de “Festa do interior” de Moraes Moreira
Contextualização: Temos muitos motivos para comemorar o nosso carnaval no bloco dos ex excluídos da leitura. Após a entrada em vigor da LBI, Lei Brasileira da Inclusão, 13.146/2015, algumas editoras já se conscientizaram que será pior para elas manterem a postura antiga de não se relacionar diretamente conosco, elegendo alguma instituição assistencial ou caritativa como mediadora. Elas sabem que o bicho vai pegar a partir de agora, que as pessoas cegas estão caindo na real e começando a perder o medo de procurar diretamente editoras, livrarias e bibliotecas públicas em busca de seus livros acessíveis. A coisa agora é assim, relacionamento direto e tranquilo, consumidor x produtor. Mas se mesmo assim eles ainda não quiserem nos reconhecer como consumidores de livros, pau neles, delegacia neles, LBI nas fuças deles!! Então simbora em nosso bloco pular, comemorar e fazer valer nossos direitos tão duramente conquistados. Simbora pra folia galera!!

Letra adaptada:

As livrarias e editoras, vendiam livros,
pra cego não
Mas isso tudo está mudando,
Com a lei brasileira, da inclusão
Foda-se quem excluía,
Quem segregava, quem estorquia
Hoje vou fazer folia,
pois chegou o dia do cego leitor
Hoje vou fazer folia,
pois chegou o dia do cego leitor

Chega de aceitar migalhas,
fim da tutela, da Fundação
Livro acessível aprovado,
graças a força, da Convenção
Foda-se quem defendia,
livro pra cego, na Diogo Faria
Hoje vou fazer folia,
pois chegou o dia do cego leitor
Hoje vou fazer folia,
pois chegou o dia do cego leitor

Parece até brincadeira, que alguém controlava, a nossa leitura, dia e noite
Cego não tinha, direito de ser leitor
Parece até brincadeira, que alguém controlava, a nossa leitura, dia e noite
Mas cego agora, pode ser consumidor

As livrarias e editoras
Vendiam livros, pra cegos não
Mas isso tudo foi mudado
Com a lei brasileira, da inclusão
Foda-se quem excluia
Quem segregava, quem estorquia
Hoje vou fazer folia,
pois chegou o dia do cego leitor
Hoje vou fazer folia,
pois chegou o dia do cego leitor

Parece até brincadeira, que alguém controlava, a nossa leitura, dia e noite
Cego não tinha, direito de ser leitor
Parece até brincadeira, que alguém controlava, a nossa leitura, dia e noite
Mas cego agora, pode ser consumidor

Ouça a música original em:

FacebookCompartilhar no Facebook

Twitter.Publicar no Twitter.

Postado por: Administrador.
Arquivado na categoria: Ações do MOLLA, Ensino Sinal Verde, Leitura Sinal Verde, Mídia comentada, Obscegatório Urbano, Z nula.
Assuntos relacionados: , , , , , , , , , .
Visitado 1111 vezes, 1 foram hoje.
0 comentário

É preciso audiodescrever: Paródia sobre a incoerência entre discursos x práticas na SEDPCD

Publicado em: 15 de fevereiro de 2017 às 7:42.


Ilustração: Símbolo da Audiodescrição composto de um retângulo branco e sobre ele as letras AD em letras maiúsculas, na cor preta, seguidas de tres sinais de parêntesis. Abaixo das letras a palavra audiodescrição também na cor preta, entre tres sinais de parêntesis
Paródia de “É preciso saber viver” de Roberto Carlos gravado pelo grupo Titãs
Contextualização: Apontando a incoerência entre o discurso e a prática reinante na SEDPCD, Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo. Secretaria que tem discursos lindos de inclusão e acessibilidade, tentando mostrar que se preocupa com a qualidade de vida de todas as pessoas com deficiência. Por exemplo, vemos nos jornais de hoje, a gestora da pasta fazendo marketing em Genebra, na OMS, Organização Mundial da Saúde, dizendo que está lançando diretrizes mundiais para medicina de reabilitação de pcds, No entanto, visitando o site de sua secretaria, pessoacomdeficiencia.sp.gov.br, se quisermos assistir algum vídeo ali postado, percebemos que a maioria dos filmes não oferecem o recurso da Audiodescrição (AD). Um recurso fundamental para que pessoas com deficiência visual possam, por meio de narração, perceber todos os detalhes visuais existentes em cenas de filmes no cinema, programas na televisão, peças de teatro e muitos outros. Porém, na SEDPCD a coisa é mais ou menos assim: “Por fora, bela viola, por dentro… pão bolorento”. Aproveitamos e recomendamos que a gestora, passeando La em Genebra, aproveite para ensinar o mundo a incluir pessoas cegas utilizando o recurso da AD, porque pelo jeito ela também deve saber muuuuuuiiiiitooooooooo a respeito, percebe-se isso claramente visitando o seu site.

Letra adaptada:

É uma coisa tão sofrida
secretaria da inclusão
Navegue no seu site um pouco
E irá me dar razão
Acesse os vídeos lá postados
E vai tentando compreender
Esqueceram de audiodescrever

Com um lindo discursinho
Vão tentando disfarçar
Mas na lacuna do filminho
Não tem ninguém pra explicar
E por mais que lhes repitam
Não conseguem aprender
É preciso audio descrever

É preciso audio descrever
É preciso audio descrever
É preciso audio descrever
Audio descrever…

De maneira tão metida
Querem sempre dar lição
Mas nem no seu próprio espaço
Não praticam inclusão
Secretaria de estado
Com acesso de doer
Esqueceram de audiodescrever

Com um lindo discursinho
Vão tentando disfarçar
Mas na lacuna do filminho
Não tem ninguém pra explicar
E por mais que lhes repitam
Não conseguem aprender
É preciso audio descrever

É preciso audio descrever
É preciso audio descrever
É preciso audio descrever
Pra cego entender (3x)

Ouça a música original em:

FacebookCompartilhar no Facebook

Twitter.Publicar no Twitter.

Postado por: Administrador.
Arquivado na categoria: Ações do MOLLA, Dicas e Toques / Mitos e Lendas, Imaginodescrivinhando, Mídia comentada, Obscegatório Urbano.
Assuntos relacionados: , , , , , , , , , , , , .
Visitado 949 vezes, 1 foram hoje.
0 comentário

Os mais lidos:

  1. Ilusões - Paródia sobre a farsa das 70 ações inclusivas em SP (23096 vezes)
  2. Direitos humanos e pessoas com deficiência: Chorando nossos cadáveres! (22383 vezes)
  3. DENÚNCIA!! Nova Lei de Direitos Autorais ignora direitos das pessoas com deficiência (16186 vezes)
  4. Bradesco amplia acessibilidade e inclusão!! Morra de inveja Itaú!! (15316 vezes)
  5. Eleições 2012: TSE corrige falha nas urnas acessíveis (14501 vezes)
  6. Quem escolhe o livro que voce lê? Parte 1 - Denúncia (13145 vezes)
  7. Companhia Das Letras, Editora Contexto e Grupo GEN editorial contra um leitor cego (12186 vezes)
  8. MEC: Censo Escolar 2010 aponta dados estarrecedores para alunos com deficiência (11955 vezes)
  9. Blog do livro acessível! Lançamento hoje, dia 21 de setembro (11541 vezes)
  10. Secretária Linamara e deputada Mara, que vergonha, que papelão! (11179 vezes)

Voltar ao topo da página.

Copyright © 2008 Livro Acessível.
Todos os direitos reservados.