Você está no topo da página.

São Paulo, sábado, 18 de novembro de 2017 - 16:27.

Blog do Livro Acessível Universal - Página inicial [1].

Você está no conteúdo principal desta página.

Organização Mundial da Saúde: Pessoas incapazes x sociedades incapazes?!

Publicado em: 4 de dezembro de 2010 às 7:40.

Ilustração: Logo da Organização Mundial da Saúde

O artigo abaixo, do Jornal O Estado de São Paulo, caderno Saúde, de 3 de dezembro de 2010, destaca notícia da OMS – Organização Mundial da Saúde.

Interessante verificar como a OMS categoriza as pessoas com deficiência, rotulando-as de incapazes. Quer dizer, a pessoa é considerada incapaz, mas alguém perguntou incapaz do que? Incapaz de fazer o que? Incapaz de chegar aonde? Incapaz de realizar qual tarefa? Muito fácil dizer que alguém é incapaz, isso resume, define, encerra a questão, muda o foco principal deliberadamente.

Agora será que as sociedades são capazes de incluir e dar condições de acesso à esses tais incapazes? Ser[a que a incapacidade dessas pessoas não estaria diretamente ligada também a incapacidade que as cidades possuem de inserir com dignidade esses cidadãos em seus sistemas produtivo, educacional, cultural, de lazer e entretenimento, além de sua distribuição de bens, produtos e serviços?!

Pois é, isso significa que podem até existir pessoas incapazes, mas também existem sociedades incapazes, governantes incapazes, políticas públicas incapazes. Isso deixa claro que a incapacidade está mais próxima de cada um de nós do que acreditava nossa vã filosofia.

Fiquem com a matéria…

Países desfavorecidos concentram 80% de incapacitados, segundo a OMS

No mundo, 65 milhões precisam de cadeira de rodas, às quais só 5% a 15% dos pobres têm acesso

GENEBRA – Cerca de 80% das pessoas incapacitadas em todo o mundo se concentram nos países pobres, onde encontram mais dificuldades para superar essas barreiras, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS).

Por ocasião do Dia Internacional das Pessoas com Deficiência, a OMS destaca que 65 milhões precisam usar cadeira de rodas, às quais apenas 5% a 15% têm acesso em regiões menos favorecidas.

A incapacidade afasta também muitas crianças da escola nas regiões mais pobres, especialmente em países do Sudeste Asiático, como Camboja e Indonésia, de onde há dados mais confiáveis, informa a OMS.

Em nível mundial, o número de pessoas que se considera incapacitada chega a 650 milhões, ou seja, 10% da população do planeta. Nos países mais avançados, a média de desemprego dos incapacitados é o dobro das pessoas sem limitações.

De acordo com uma pesquisa da Organização das Nações Unidas (ONU), a maioria dos 114 países estudados tinha políticas de acesso para pessoas incapacitadas, mas frequentemente não eram aplicadas.

Além disso, 54% dos países disseram não ter instalações para facilitar o acesso por ruas e lugares abertos, e 43% não tinham nenhuma medida em prédios fechados.

FacebookCompartilhar no Facebook.

Twitter.Publicar no Twitter.

Postado por: Administrador.
Arquivado na categoria: Mídia comentada, Obscegatório Urbano.
Assuntos relacionados: , , , , , .
Visitado 6912 vezes, 2 foram hoje.
0 comentário

RSS dos comentários deste post.

Deixe seu comentário:

Dados do comentarista




Os mais lidos:

  1. Ilusões - Paródia sobre a farsa das 70 ações inclusivas em SP (24623 vezes)
  2. Direitos humanos e pessoas com deficiência: Chorando nossos cadáveres! (22830 vezes)
  3. DENÚNCIA!! Nova Lei de Direitos Autorais ignora direitos das pessoas com deficiência (16486 vezes)
  4. Bradesco amplia acessibilidade e inclusão!! Morra de inveja Itaú!! (15606 vezes)
  5. Eleições 2012: TSE corrige falha nas urnas acessíveis (14722 vezes)
  6. Quem escolhe o livro que voce lê? Parte 1 - Denúncia (13387 vezes)
  7. Companhia Das Letras, Editora Contexto e Grupo GEN editorial contra um leitor cego (12415 vezes)
  8. MEC: Censo Escolar 2010 aponta dados estarrecedores para alunos com deficiência (12180 vezes)
  9. Blog do livro acessível! Lançamento hoje, dia 21 de setembro (11727 vezes)
  10. Secretária Linamara e deputada Mara, que vergonha, que papelão! (11412 vezes)

Voltar ao topo da página.

Copyright © 2008 Livro Acessível.
Todos os direitos reservados.