Você está no topo da página.

São Paulo, quinta-feira, 23 de janeiro de 2020 - 12:27.

Blog do Livro Acessível Universal - Página inicial [1].

Você está no conteúdo principal desta página.

Nula secretaria – Paródia sobre inutilidade da SNPD, antiga CORDE, na vida das PCDS

Publicado em: 28 de julho de 2015 às 20:02.


Ilustração: desenho de um casal de crianças de mãos dadas. Ao fundo jardim e montanhas.
Paródia de “João e Maria” de Chico Buarque
Contextualização: Tentamos explicar o que significa e para o que serve a SNPD, Secretaria Nacional de Promoção dos Direitos das Pessoas com Deficiência, um órgão ligado ao Ministério da Justiça, que nenhuma pessoa com deficiência no Brasil sabe para o que serve. Pudera, afinal, ela não serve para nada mesmo, desde o tempo que era CORDE. Na verdade serviu e ainda serve para uma coisa, para promover viagens de turismo para o sevetário titular e sua equipe para todo Brasil e também para o exterior. Obviamente eles disfarçam muito bem as viagens tentando dar a elas um caráter oficial, de trabalho, de intercâmbio, etc, mas somente um idiota para acreditar nessa história. Enquanto isso, a vida das pessoas com deficiência dentro do Brasil e principalmente nos rincões mais distantes e desfavorecidos dessa Nação, continua na mesma, sem acessibilidade, sem inclusão, sem ter os direitos mais básicos e fundamentais reconhecidos e atendidos. Tres vivas para essa secretaria nula e inútil!!

Ilustração: Desenho de duas crianças, um menino e uma menina, passeando em um jardim e com as mãos dadas.

Letra adaptada:

Antes chamava CORDE, e o idioma era o mediquês
Hoje é social, mas tanto faz, só trocou seis por seis
Eles falam das exclusões, barreiras e limitações
Mas cego só se fode e mandam todo surdo lá para a feneis.

Agora confirmei, Lá em Brasília vai ser sempre assim
Eu já me injuriei, são só discursos que não tem mais fim
SNPD é a tristeza que eu quero esquecer
E fazem tudo para merecer, Pois tão cagando e andando para mim.

É meu caro irmão, Deficiência no Brasil tem donos
Cegos na fundação, Os outros nas APAEs há anos
Vem, me dê a mão, vamos agora viver sem limite
Um plano nacional, que não passou de um belo trambique.

Agora que legal, a nossa nova lei da inclusão
Simbora festejar, beber champanhe e soltar rojão
Pois lá vem, a presidente para sancionar
Mas antes disso ela vai vetar, Cotas de emprego e de formação.

Ouça a música em:

FacebookCompartilhar no Facebook.

Twitter.Publicar no Twitter.

Postado por: Administrador.
Arquivado na categoria: Ações do MOLLA, Ensino Sinal Vermelho, Leitura Sinal Vermelho, Mídia comentada, Obscegatório Urbano.
Assuntos relacionados: , , , , , , , , .
Visitado 3741 vezes, 1 foram hoje.
0 comentário

RSS dos comentários deste post.

Deixe seu comentário:

Dados do comentarista




Os mais lidos:

  1. Ilusões - Paródia sobre a farsa das 70 ações inclusivas em SP (31148 vezes)
  2. Direitos humanos e pessoas com deficiência: Chorando nossos cadáveres! (25330 vezes)
  3. DENÚNCIA!! Nova Lei de Direitos Autorais ignora direitos das pessoas com deficiência (19975 vezes)
  4. Bradesco amplia acessibilidade e inclusão!! Morra de inveja Itaú!! (16962 vezes)
  5. Eleições 2012: TSE corrige falha nas urnas acessíveis (15924 vezes)
  6. Quem escolhe o livro que voce lê? Parte 1 - Denúncia (14840 vezes)
  7. Casa da Moeda: Lançamento de novas cédulas do Real mais acessíveis (13866 vezes)
  8. Companhia Das Letras, Editora Contexto e Grupo GEN editorial contra um leitor cego (13567 vezes)
  9. MEC: Censo Escolar 2010 aponta dados estarrecedores para alunos com deficiência (13231 vezes)
  10. Blog do livro acessível! Lançamento hoje, dia 21 de setembro (12791 vezes)

Voltar ao topo da página.

Copyright © 2008 Livro Acessível.
Todos os direitos reservados.