Você está no topo da página.

São Paulo, segunda-feira, 25 de setembro de 2017 - 13:55.

Blog do Livro Acessível Universal - Página inicial [1].

Você está no conteúdo principal desta página.

Como votar com acessibilidade!!!

Publicado em: 16 de setembro de 2010 às 21:10.

Prezados amigos, acabo de chegar do cartório eleitoral no qual estou registrado e tenho algumas informações importantes para repassar sobre o processo eleitoral e sobre urnas acessíveis para pessoas com deficiência visual e seções eleitorais acessíveis para pessoas com deficiência física ou mobilidade reduzida.

Fui convidado pelo cartório eleitoral no qual estou registrado para fazer um teste na acessibilidade da urna, que costumeiramente é disponibilizada para qualquer eleitor que manifeste desejo de se familiarizar com a máqina antes do pleito. Geralmente os cartórios eleitorais oferecem esse período de teste antes que as urnas sejam lacradas e fiquem a disposição da votação oficial.

No que diz respeito a síntese de voz foi muito importante saber como e com que clareza ela funciona, mas o mais importante foi saber que para que o sistema funcione o procedimento é extremamente simples e deve ser feito no momento em que é dada a carga inicial na urna, ou seja, dar o “start” na máquina para o começo da votação naquela seção eleitoral.

Segundo me informou a atendente do cartório, basta que o presidente da mesa, ao inicializar a urna eletrônica, escolha a opção “iniciar com áudio” para que aquela urna passe a funcionar com a síntese de voz para as pessoas com deficiência visual. Assim, no momento que chega a informação ao presidente da mesa, de que na sua seção irá votar uma pessoa com deficiência visual, ele deve dar o “start” na máquina com a opção de áudio ativada.

Assim sendo, é premente que as pessoas com deficiência visual sejam avisadas para que procurem os cartórios eleitorais nos quais estão registradas e informem aos atendentes essa condição específica. Essa informação vai gerar um processo em cadeia até chegar, no dia da eleição, a informação ao presidente da mesa e os respectivos secretários que trabalharão naquela seção.

Da mesma forma a atendente me informou que no caso das pessoas com deficiência física, cadeirantes ou com mobilidade reduzida, as quais o cartório sabe antecipadamente quem são, as seções dessas pessoas são realocadas nos andares térreos dos colégios e em lugares mais acessíveis para cadeiras de rodas.

Portanto, da mesma forma que as pessoas com deficiência visual, aquelas com deficiência física ou mobilidade reduzida também devem informar essa condição específica aos seus cartórios eleitorais para que o processo seja desencadeado e não tenham problemas no dia da votação.

FacebookCompartilhar no Facebook.

Twitter.Publicar no Twitter.

Postado por: Administrador.
Arquivado na categoria: Obscegatório Urbano.
Assuntos relacionados: , , , .
Visitado 4236 vezes, 1 foram hoje.
0 comentário

RSS dos comentários deste post.

Deixe seu comentário:

Dados do comentarista




Os mais lidos:

  1. Ilusões - Paródia sobre a farsa das 70 ações inclusivas em SP (23738 vezes)
  2. Direitos humanos e pessoas com deficiência: Chorando nossos cadáveres! (22650 vezes)
  3. DENÚNCIA!! Nova Lei de Direitos Autorais ignora direitos das pessoas com deficiência (16357 vezes)
  4. Bradesco amplia acessibilidade e inclusão!! Morra de inveja Itaú!! (15499 vezes)
  5. Eleições 2012: TSE corrige falha nas urnas acessíveis (14616 vezes)
  6. Quem escolhe o livro que voce lê? Parte 1 - Denúncia (13311 vezes)
  7. Companhia Das Letras, Editora Contexto e Grupo GEN editorial contra um leitor cego (12323 vezes)
  8. MEC: Censo Escolar 2010 aponta dados estarrecedores para alunos com deficiência (12104 vezes)
  9. Blog do livro acessível! Lançamento hoje, dia 21 de setembro (11654 vezes)
  10. Secretária Linamara e deputada Mara, que vergonha, que papelão! (11312 vezes)

Voltar ao topo da página.

Copyright © 2008 Livro Acessível.
Todos os direitos reservados.